Nome:
Local: Porto Alegre, RS, Brazil

Inspirada num conto de Eduardo Galeano, a música que A MULHER DE OSLO canta ecoa aldeias, possui várias línguas e sotaques musicais, parte de um extremo sul onde o Brasil se confunde com a pátria do pampa e é também argentino e uruguaio. Ecoa mouros em Portugal, tangos dos Bálcãs, sangradas pop songs de perda. Durante a apresentação, o público entra em momentos únicos compartilhando os segredos dessa mulher que vem de longe. Sons de sitar indiano, de viola caipira, de instrumentos tão regionalmente universais como o acordeom ou o violão de nylon . Sons de canções quase perdidas misturadas com outras recém-descobertas. Sons vindos de longe no mundo, sons do quintal de casa. Sons dessa mulher que conta histórias que são daqui, dali, de qualquer lugar... .

08 janeiro 2008

3 Comentários:

Blogger Lusi Martinez disse...

Atualisaaaaaaaaaaa!!!!!!!

1/11/08 18:34  
Blogger RodRosa disse...

Oi:

Em 1o lugar, gostaria de dizer que gosto muito das músicas da Vanessa Longoni! Para mim, a 'marca registrada' é ESPINHO NA ROSEIRA - bárbara! Até comprei o CD (procurei muito por tal música: youtube, lojas); achei-a numa loja virtual...e foi uma ÓTIMA AQUISIÇÃO!!
Vi que ela é de POA (e ainda mora?), eu também moro em tal cidade...
Srta. Longoni: se leres tal mensagem - MEU MUITO OBRIGADO!!! Nosso país precisa de cantoresm artistas assim. E chega de tantos 'estrangeirismos' (risos)!!!
Tudo de bom, muitos anos de carreira - sucesso nesta!
Rodrigo Rosa.

20/10/09 08:04  
Blogger Kathia disse...

Vanessa por onde tu andas???
Cadê a Mulher de Oslo????
Estou com saudades das belíssimas histórias e melodias que cantam e encantam nossa alma.
Bjs querida, :-)
Kathia

4/12/10 02:30  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial